segunda-feira, fevereiro 12, 2007

Felicidade

Mia Couto escreveu: "Sou feliz só por preguiça. A infelicidade dá uma trabalheira pior que doença: é preciso entrar e sair dela, afastar os que nos querem consolar, aceitar pêsames por uma porção da alma que nem chegou a falecer."

Este tipo de felicidade por preguiça não representa o conceito de “ser feliz” mas pelo menos afasta-nos da infelicidade.
Então quando não nos é possível atingir a felicidade, pelo menos não nos devemos deixar cair na infelicidade. Sejamos preguiçosos nesta componente da nossa vida, pois a infelicidade acarreta um trabalho quase sempre escusado e inútil. Não é a tristeza que nos vais fazer sair desse estado de infelicidade.

Etiquetas: ,

2 Comments:

Blogger Cakau said...

A (in)felicidade é apenas um estado de espírito. Efémero. Por isso devemos aproveitá-lo enquanto dura e aprender alguma coisa com ele.

Beijinhos *

10:44 da tarde  
Blogger Gala said...

Não conhecia esta expressão do Mia. É de facto sábia como tudo o resto ke ele escreve.

4:13 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home