segunda-feira, junho 26, 2006

Conversa a Dois

O diálogo começara suavemente e quase em jeito de aviso:
- Haverá sempre um ponto apartir do qual o teu caminho se fará sem mim, porque eu não poderei estar sempre junto de ti. Não te sei dizer onde ou quando atingirás essse ponto, penso mesmo que só te aperceberás dele algum tempo depois de o teres passado. Nesse momento perceberás que estás por tua conta e risco. Saberás também que o resto do caminho será trilhado sem mim, mas isso não será necessariamente mau.

A resposta surgiu com um sorriso:
- Sim, eu sei! Um dia o caminho será apenas o meu, no entanto certamente que tudo o que aprendi e aprendo contigo não se perderá, e de alguma forma farás parte do meu ser para sempre através disso. Estarás lá de um outro modo, e isso não será necessariamente mau.

Trocaram um olhar cúmplice como só dois bons amigos conseguem fazer, havia muito mais para além de uma simples relação de mestre e aprendiz entre eles.

2 Comments:

Blogger Cláudia said...

A mestria existe dentro de cada um de nós, e manifesta-se quase sempre através dos amigos.Assim, eles verbalizam o que já sabemos tornando tudo mais claro e evidente, trazendo luz para iluminar os nossos caminhos.

12:29 da manhã  
Blogger Gala said...

Podia ser uma linda conversa entre pai/filho.
Escrevo cartas que deixarei aos que ficam. Estas palavras são lindas.
beijo

11:54 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home